Nesta terça-feira, as 21h30 (horário de Brasília), a Copa Libertadores da América tem confronto decisivo no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, com o segundo jogo entre Atlético-MG e Palmeiras. Os palmeirenses eliminaram Universidad Católica e São Paulo, enquanto os atleticanos eliminaram Boca Juniors e River Plate. No primeiro jogo, empate por 0 a 0, o que faz o empate com gols classificar os palmeirenses pelo gol qualificado. Novo empate sem gols leva a decisão para os pênaltis.

O Atlético-MG de Cuca terá o apoio de 17 mil atleticanos no Mineirão em um contexto onde só a vitória interessa, e para isso, terá um grande desfalque, com a ausência do lesionado Diego Costa, que deve ser substituído por Vargas, naquela que deve ser a única grande mudança atleticana em relação a formação inicial do primeiro confronto entre as duas equipes. 

O Palmeiras de Abel Ferreira joga por um gol para a classificação, o que gera dúvidas sobre a escalação do treinador palmeirense. Uma das dúvidas é na posição de volante, se o treinador optará pela experiência de Felipe Melo, ou pela juventude de Danilo. E outra no ataque, se escolherá Luiz Adriano, em uma opção de centroavante, ou de Wesley, com mais movimentação. 

Prováveis escalações:

Atlético-MG: Everson; Guga, Nathan Silva, Junior Alonso, Guilherme Arana; Allan, Zaracho, Tchê Tchê, Nacho Fernandez; Hulk, Vargas.

Palmeiras: Weverton, Marcos Rocha, Gómez, Luan, Piquerez; Felipe Melo (Danilo), Zé Rafael, Raphael Veiga, Dudu; Rony, Luiz Adriano (Wesley).

TOP 5 DE FATOS SOBRE A PARTIDA

  • Palmeiras e Atlético-MG se enfrentaram por dois mata-matas internacionais, com duas classificações palmeirenses, na Copa Mercosul de 2000 e na Copa Sul-Americana de 2010.
  • O Atlético-MG está invicto em seus últimos 12 jogos na temporada.
  • Em 5 dos últimos 6 jogos do Atlético-MG na temporada, houve menos que 3 gols, o que indica poucos gols na partida.
  • O Atlético-MG não sofreu gols em suas últimas 5 partidas na temporada.
  • Em 6 dos últimos 7 confrontos diretos entre Atlético-MG e Palmeiras, houve menos que 3 gols, o que indica poucos gols na partida. 

CONFRONTOS DIRETOS: 73 jogos, 34 vitórias do Palmeiras, 13 empates, 26 vitórias do Atlético-MG

PROGNÓSTICO: O confronto tem forte equilíbrio, tendo em vista que a equipe do Palmeiras está invicta nos duelos fora de casa na atual Libertadores, enquanto o Atlético-MG, além de estar invicto em casa na Libertadores, venceu o confronto direto entre ambos no Campeonato Brasileiro, o que equilibra as situações, mesmo em um contexto ainda maior de equilíbrio no mata-mata, o que se viu no duelo de ida.