Nesta quinta-feira, as 21h30 (horário de Brasília), as quartas de final da Copa do Brasil começam no Estádio de São Januário, com a primeira partida entre Fluminense e Atlético-MG. O tricolor carioca eliminou o Criciúma, enquanto o Galo eliminou o Bahia nas oitavas.

O Fluminense de Marcão vai para a partida com dois reforços, com a chegada de Jhon Arias, e com a recuperação de lesão de Caio Paulista. Mas por outro lado, Ganso segue como desfalque. Além disso, o time tricolor não deve mudar a sua formação titular em relação a equipe que entrou em campo na última partida. 

O Atlético-MG de Cuca vai para a partida sem Jair e Mariano, lesionados, e que se machucaram diante do River Plate. Outra baixa é a do zagueiro Nathan Silva, que tem sido titular, e não poderá atuar pelo Galo na Copa do Brasil por já ter atuado pelo Atlético-GO. Réver ou Igor Rabello brigam pela posição na zaga atleticana.

Prováveis escalações:

Fluminense: Marcos Felipe; Samuel Xavier, Nino, Luccas Claro, Egídio; André, Martinelli, Yago; Lucca, Luiz Henrique, Fred.

Atlético-MG: Everson; Guga, Réver (Igor Rabello), Junior Alonso, Guilherme Arana; Allan, Matías Zaracho, Nacho Fernández; Savarino, Vargas, Hulk.

TOP 5 DE FATOS SOBRE A PARTIDA

  • Em 4 dos últimos 5 confrontos diretos entre Fluminense e Atlético-MG, houve menos que 3 gols na partida.
  • Em 8 dos últimos 10 confrontos diretos entre Fluminense e Atlético-MG, ambas as equipes marcaram gols na partida. 
  • Os últimos 3 confrontos diretos entre Fluminense e Atlético-MG terminaram empatados. 
  • O Fluminense não vence há 5 partidas na atual temporada.
  • Em 6 dos últimos 8 jogos do Atlético-MG na atual temporada, o time marcou o primeiro gol da partida. 

CONFRONTOS DIRETOS: 70 jogos, 28 vitórias do Atlético-MG, 23 empates, 19 vitórias do Fluminense 

PROGNÓSTICO: O confronto tem o franco favoritismo do Atlético-MG, tendo em vista que o time atleticano vem em grande fase, enquanto o Fluminense vem em um mau momento, mas por outro lado, pode igualar as coisas por ser um confronto eliminatório, e sem os revezes do Brasileiro.